Teste da linguinha, porque realizar?

Saiba tudo sobre esta avaliação neonatal!

Foto Istock

O que é a anquiloglossia e/ou língua presa?

Segundo a Sociedade Brasileira de Pediatria (SBP), a anquiloglossia, que o teste da linguinha ajuda a detectar, se trata de uma:

“Anomalia congênita que afeta o movimento normal da língua. É um transtorno detectável desde a idade lactente, devido as suas implicações tanto para o bebê, como para a mãe. Dependendo da gravidade, ela pode também impactar o desenvolvimento da linguagem.”

Ela ocorre quando debaixo da língua um tecido que funciona como uma espécie de “ligamento” com a cavidade inferior da sua boca se apresenta de forma curta.


Fonte: odontoblogia.com.br

Quais os problemas que podem ocorrer na fase bebê?


A língua presa, como diz o nome, impede que a língua se movimente adequadamente, desenvolvendo então, adaptações e /ou movimentos compensatórios para sugar, engolir, mastigar e falar. nos bebês pode causar dificuldade na amamentação, causando estresse para o bebê e também para a mãe, o que pode levar ao desmame precoce e introdução desnecessária da mamadeira.


Em crianças, jovens e adultos, causa dificuldades na mastigação/deglutição e alterações na fala, afetando alimentação, a comunicação, o relacionamento social e o desenvolvimento profissional.


Como identificar?


Os sinais mais comuns e que podem ajudar a identificar se o bebê tem a língua presa, é quando ele chora e:

  • tem dificuldade em mover a língua;

  • tem dificuldade em colocar a língua para fora dos lábios;

  • tem língua em forma de coraçãozinho;

  • tem dificuldade para mamar, mordendo o mamilo da mãe ao invés de sugar;

  • tem fome pouco tempo depois de mamar;

  • não consegue ganhar peso adequado ou cresce mais devagar que o esperado.


O que fazer se Identificar algum desses sintomas?


O exame da cavidade oral do recém-nascido e lactente já faz parte do exame físico realizado pelo pediatra, de forma simples e indolor, nas maternidades e nas consultas de puericultura.


No entanto, se identificar que o freio de língua é curto ou houver suspeita, o bebê ou criança deve passar por uma avaliação cuidadosa feita por um profissional com experiência neste problema. Esse especialista analisará se esse freio está causando dificuldades para a amamentação e poderá indicar qual a melhor conduta a ser realizada.


Baixe o app Pimpos e registre todo o histórico de saúde do seu filho e tenha acesso a instruções de cuidados.


O Teste da Linguinha e sua regularização.


Em 2014 foi aprovado e sancionado o projeto de Lei nº 4.832/12 de autoria do Deputado Federal Onofre Santo Agostini, que “obriga a realização do protocolo de avaliação do frênulo da língua em bebês (teste da linguinha), em todos os hospitais e maternidades do Brasil”, foi sancionado pela Presidência da República e se converteu na Lei nº 13.002, de 20 de junho de 2014.


Isso fez com que, em se tratando da avaliação de frênulo da língua em bebês, todo hospital e toda maternidade devem oferecer esta avaliação aos recém-nascidos em suas dependências. No entanto, também poderá ser realizada em consultório, clínica ou outras instituições de saúde.


Entrevista com o Especialista!



Dra. Camilla C. S. dos Santos CRM-PA 15204

Segundo a Dra. Camilla Santos, “Idealmente, o teste da linguinha deve ser realizado na maternidade ou no primeiro mês de vida, seguindo avaliação da anatomia e do funcionamento por parte de profissional de saúde treinado, geralmente, fonoaudiólogo ou pediatras. O teste deve seguir o protocolo de avaliação do frênulo lingual.”


Ela complementa que em casos mais graves, pode ser indicada a frenotomia (corte e divulsão do frênulo lingual) ainda na maternidade realizado por pediatras ou odontólogo. Nos casos duvidosos ou quando não for possível visualizar o frênulo lingual nos primeiros dias de vida, deve-se testar o bebê novamente com 30 dias de vida e orientar os pais sobre possíveis dificuldades na amamentação para evitar desmame precoce nesse


Quanto mais precoce o teste é aplicado, mais precoce também é a conduta adequada a ser realizada e melhor o prognóstico para a criança. Por isso o teste da linguinha faz parte dos testes de triagem neonatal (pezinho, coraçãozinho, olhinho, ouvidinho) que devem ser instituídos ainda na maternidade.


BAIXE JÁ O APP PIMPOS!

Parceiros

Somos Associados

Assine nossa Newsletter

Contato

(91) 98069-2771

Comercial

(11) 93467-1500 (Whatsapp)

Endereço

Belém

Av. Gov. José Malcher, 153, 1º Andar - Nazaré, Belém - PA, 66035-065

♥ De quem ama para quem ama ♥ | Pimpos – Plataforma de monitoramento e gestão da saúde infantil - 2020.